5 procedimentos estéticos mais realizados por dentistas

Aspectos estéticos que antes importavam pouco, passaram a incomodar na pandemia, como olheiras, rugas na testa e no canto dos olhos e marcas de expressão. Flacidez, bigode chinês, manchas na pele, acne e poros abertos também estão na lista, já que a máscara não esconde o tempo todo. 

Por isso, milhares de pessoas procuraram por procedimentos estéticos desde o início da quarentena. O estresse causado pelas incertezas da pandemia, a alteração de hábitos, o período maior em casa, reduzindo o contato com a luz solar, e até o uso constante da máscara (causando abafamento, entupindo poros e provocando acne), são alguns dos exemplos dos prejuízos à estética facial. 

“Neste cenário, entra a odontologia, que evoluiu para uma área bem mais ampla, possibilitando que tratamentos de beleza também pudessem ser feitos no consultório, com toda a segurança necessária”, afirma a Dra. Maria Geovânia Ferreira, dentista, membro da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética (SBOE) e da Sociedade Brasileira de Toxina Botulínica e Implantes Faciais na Odontologia (SBTI).

 Confira os 5 procedimentos estéticos mais realizados por dentistas: 

Harmonização facial

É impossível falar sobre procedimentos estéticos sem citar a harmonização facial. Embora o tratamento fosse feito exclusivamente por médicos, hoje ele faz parte do dia a dia dos consultórios odontológicos. “Além de suavizar rugas e linhas de expressão provocadas pela idade, e diminuir a flacidez da pele, a harmonização facial equilibra os traços e as proporções do rosto, tanto do sorriso quanto da face como um todo”, descreve a dentista.

 Abaixo, seguem os subtipos de técnicas da harmonização facial:

 Bichectomia

Um dos procedimentos mais procurados nos consultórios odontológicos é a bichectomia, ou lipoplastia facial, cirurgia para retirada parcial da “bola de Bichat”, um tecido gorduroso localizado nas bochechas. “Ela é indicada para diminuir a proeminência da bochecha, melhorando o formato arredondado do rosto, realçando a região malar (maçã do rosto) e a linha da mandíbula, resultando em uma face mais harmoniosa”, explica Maria Geovânia. Mas, ao contrário do que muitas pessoas pensam, a bichectomia não é motivada apenas por questões estéticas. A técnica também é uma grande aliada para pacientes que têm o costume de morder a bochecha devido ao excesso de volume. 

Preenchimento labia

lA técnica é indicada para dar volume aos lábios, melhorar o contorno ou corrigir imperfeições secundárias a traumas locais ou decorrentes do processo de envelhecimento. A técnica mais utilizada é o preenchimento com ácido hialurônico. “É uma substância presente no nosso organismo que, dentre outras funções, preenche o espaço entre as células da pele, deixando-a firme e lisa. Além disso, a pele fica mais hidratada, já que o ácido também tem essa função no local aplicado”, reforça Maria Geovânia. 

Aplicação de botox

Popularmente conhecida como botox, a toxina botulínica é produzida pela bactéria Clostridium botulinum que, aplicada no músculo, resulta no relaxamento do local. É um dos procedimentos estéticos mais procurados nos consultórios odontológicos e médicos, tendo como finalidade o tratamento de rugas periorais (ao redor da boca), rugas no queixo e pescoço, e até mesmo para corrigir sorrisos gengivais. Além disso, o procedimento pode atenuar o bruxismo do sono e o bruxismo de vigília. 

Gengivectomia

O procedimento consiste na retirada do excesso de gengiva. O tratamento também ajuda a eliminar as bolsas gengivais e o aumento da coroa dentária. Embora a cirurgia seja bem simples, é preciso ter em mente que o processo de cicatrização leva cerca de um mês e, por isso, requer alguns cuidados no pós-operatório.

“Lembrando que é fundamental buscar um dentista com experiência e qualificação para realizar qualquer um dos procedimentos citados”, alerta Maria Geovânia Ferreira. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *