Aumento dos repasses constitucionais vão dar fôlego para investimentos, revela David Almeida

O pré-candidato à Prefeitura de Manaus pelo Avante, David Almeida, afirmou na manhã desta sexta-feira (25), durante entrevista a um portal local, que a capital do Amazonas tem fôlego fiscal, porque compromete 42% da sua receita com o custeio, e conta com capacidade para contrair até R$ 6 bilhões em empréstimos e fazer os investimentos necessários para reestruturar e modernizar a rede de saúde básica, bem como intervenções destinadas a melhorar a mobilidade urbana.

Ao falar sobre os principais problemas registrados na cidade, David Almeida também reafirmou o seu compromisso de priorizar ações na reestruturação do sistema de transporte coletivo, na área da educação – para modernizar as escolas -, e melhorar a segurança pública, criando uma secretaria específica para reforçar a guarda municipal e promover ações de integração e resgate social, particularmente de jovens e adolescentes.

Ao justificar o seu otimismo com relação à possibilidade de implementar as ações necessárias para modernizar Manaus na sua gestão, David Almeida fez questão de ressaltar que, apesar do endividamento elevado da máquina municipal, a capacidade da Prefeitura de Manaus obter novos financiamentos para fazer obras e implementar programas não é decorrente de uma alegada
boa gestão fiscal, mas sim do efetivo crescimento dos repasses constitucionais, bem como da receita proveniente da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, que é um tributo estadual.

Ele lembrou, ainda, que a partir de 2021, Manaus, a exemplo de outros municípios brasileiros, graças ao Congresso e ao aval dado na quarta-feira, 23, pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), vai passar a contar com mais receita do Imposto Sobre Serviços (ISS), uma vez que o recolhimento desse tributo passará a ser feito no município do consumo do serviço e não na sede da empresa, a exemplo do que vinha sendo feito.

Compromissos – O ex-governador interino também revelou que sua gestão vai recriar a Secretaria Municipal de Esportes, extinta pela atual administração, além da Secretaria de Produção Rural, para colocar em prática ações de incentivo aos produtores rurais que operam na zona rural da cidade. “Eu e o Marcos Rotta vamos trabalhar para colocar em prática as melhores soluções para os principais problemas de Manaus”, ressaltou.

Além de deixar claro que é um político independente e sem amarras política, e que sua campanha é soberana, David Almeida fez questão de afirmar que não está fazendo promessas falsas, com o objetivo de enganar o eleitor e conquistar a simpatia da população, mas “assumindo compromissos”, juntamente com seu o pré-candidato a vice, Marcos Rotta (Democratas), por dispor de dados técnicos confiáveis que mostram ser possível transformar Manaus e fazer muita coisa boa para melhorar a qualidade de vida da sua população.

Campanha – O pré-candidato reafirmou, ainda, o seu compromisso de realizar uma campanha limpa e lembrou que na quinta-feira, 24, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) aprovou a sugestão apresentada pelo Avante, do qual é presidente estadual, de reunir todas as legendas em torno do compromisso de varrer as fake news do processo eleitoral amazonense e dar exemplo para o Brasil.

Ao falar sobre a campanha eleitoral deste ano, David Almeida disse, ainda, que a sua candidatura é fruto do apelo popular e lembrou ter sido convidado para compor chapa com três caciques que hoje está combatendo, por ter a convicção de que todos eles tiveram a oportunidade de solucionar parte dos problemas de Manaus, porque tiveram tempo, apoio político e financeiro, mas não resolveram nada e hoje a população continua pagando caro pelo descaso deles, e não dispõe de bons serviços, particularmente, na área da saúde e de transporte coletivo. “Esses caras já tiveram a oportunidade de mudar essa história e resolver os problemas de Manaus, mas não fizeram isso”, observou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *