Codese e UEA firmam parceria para dinamizar desenvolvimento de Manaus

Como parte das diretrizes estratégicas de colocar Manaus entre as 20 melhores cidades para se fazer negócios,  entre as dez melhores cidades para se viver no Brasil até 2038, o Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Manaus (Codese), está em tratativas com a Universidade Estadual do Amazonas (UEA) para protocolar um Termo de Cooperação com o intuito de alinhar os pontos em comum e apoiar a sustentabilidade da universidade, a fim de dinamizar o modelo de desenvolvimento da capital amazonense e mobilizar a sociedade organizada.

“A Universidade do Estado do Amazonas tem uma característica de inclusão, de estar junto com a sociedade organizada e fazer parte da construção coletiva do Amazonas e da cidade de Manaus. Com o Termo de Cooperação, há possibilidade de mão de obra conjunta. Também há alunos que precisam de estágio, por exemplo”, declarou o reitor da universidade, Cleinaldo Costa.

O presidente do conselho, Euler Guimarães, visualiza na parceria a possibilidade de expansão dos estudos voltados para o desenvolvimento econômico e melhoria da qualidade de vida da população. “Essa parceria tem muito a contribuir, principalmente, com as câmaras técnicas, pois necessitamos de apoio com mais conhecimento de especialistas de cada área”, destacou Euler.

Para o vice-presidente do Codese, Antônio Azevedo, há uma infinidade de possibilidades que podem ser concretizadas dessa parceria com a UEA. “É fundamental a parceria com a UEA, pois a vejo como a parceira mais estratégica do Codese, haja vista que as três metas estratégicas do CODESE têm relação direta com a formação de profissionais, da geração de emprego e renda, fixação do homem no interior, formação desse profissional. Todas as câmaras técnicas possuem sinergia com a universidade”, afirmou.

Para o vice-reitor, Cleto Leal, todas as iniciativas do Codese são pertinentes. “O que mais chama atenção é a proposta de criar novas matrizes econômicas. Temos cursos de Economia e Administração, por exemplo, que podem contribuir significativamente para essa proposta, mas precisa ter uma política de estado para que não seja interrompido a cada troca de governo. A UEA é do conhecimento e também da prática. Então, é o momento de convergir nossas propostas, abrir oportunidade para nossa comunidade, contar com os trabalhos voluntários, que com certeza poderão congregar com essas propostas e até mesmo sugerir novas ideias, pois acredito que a inovação está na mente das pessoas”, ressaltou Cleto.

Plano de trabalho

Dentre as diversas ações que poderão ser realizadas em conjunto entre as entidades, foram citados os projetos da câmara de educação, câmara de tecnologia e inovação, a criação da Semana Codese na UEA junto a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, bem como a realização de palestras a fim de sensibilizar os alunos.

“A tecnologia e inovação é transversal e envolve todas as câmaras. No Polo Digital, precisamos de mão de obra qualificada, que tem uma renda média pelo menos três vezes mais do que se tem no Distrito”, enfatizou Antônio Azevedo.

O Termo de Cooperação está em análise jurídica pela comissão da UEA e deve ser assinado em breve. Participaram das reuniões de alinhamento para o Termo de Cooperação: o reitor e vice-reitor da UEA Cleinaldo Costa e Cleto Leal assim como a equipe de professores da universidade;  os conselheiros deliberativos Ulisses Tapajós, Raul Andrade, Marcelo Medeiros, Frank Souza, Maria Goretti; os coordenadores Stanley Braga, Carlos Barros, Pedro Paulo Cordeiro, Sandro Breval e Daniela Bezerra; o vice-Presidente Antônio Azevedo e o presidente do Codese, Euler Guimarães.

Missão do Codese

O CODESE é formado, quase que integralmente, por voluntários. São técnicos, especialistas que buscam elevar o padrão da capital assim como de sua população. Uma das metas da entidade é que 2/3 do Produto Interno Bruto (PIB) da capital estejam assentados em matrizes econômicas regionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *