CAMPANHA ‘MANAUS MAIS HUMANA’ TRANSFORMA UM APARTAMENTO EM CESTAS BÁSICAS

Ao som do cantor Nicolas Junior, Good Felaas, Humberto Amorim e banda, durante uma live realizada no Porão do Alemão, nesta quarta-feira à noite (27), a construtora RD Engenharia entregou para a compradora do apartamento as chaves do imóvel localizado na Zona Oeste. A empresa doou para a campanha ‘Manaus Mais Humana’, realizada pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Manaus (CODESE Manaus) e o Comitê Cidadão, o valor do imóvel (excluídos os impostos), que corresponde a R$ 200 mil.

Com o valor da venda, a campanha comprará no comércio local mais de 2.800 cestas de alimentos não perecíveis, que serão entregues ao longo do mês de junho para pessoas que perderam o emprego ou ficaram com a renda familiar comprometida devido à proliferação do novo coronavírus.
A campanha ‘Manaus Mais Humana’, em operação a cerca de dois meses na capital, atingiu 52% da meta que é arrecadar 10 mil cestas de alimentos e distribuí-las para organizações sem fins lucrativos como igrejas, sindicatos e entidades filantrópicas. As instituições cadastradas no Codese têm a incumbência de prestar contas sobre os beneficiados com os produtos. “A campanha foi projetada para durar quatro meses, estamos na metade do período. Já conseguimos mais de 5 mil cestas, mas não parou. A campanha continua. Mesmo uma cesta faz diferença na vida das pessoas. Cada família atendida representa em torno de cinco pessoas que poderão se alimentar com dignidade”, analisou o vice-presidente do CODESE, Antônio Azevedo.

O presidente da RD Engenharia, Romero Reis, destacou que a empresa se uniu a uma rede empresarial para amenizar o sofrimento de vulneráveis economicamente. “Formamos um grande exército de apoiadores, composto pela TV Lar, Big Amigão, Mercantil Nova Era, Supermercado Rodrigues e a RD. Todas essas empresas são gerenciadas por empresários bem sucedidos que decidiram agir para amenizar o caos instalado devido a paralisação econômica. Nós acreditamos que sempre há espaço para fazer algo pelo próximo. Afinal, a solidariedade é um prato cheio”, afirmou.

Os critérios da campanha estão relacionados na página na internet da ‘Manaus Mais Humana’, https://www.codesemanaus.org.br/portal/manaus-mais-humana.html. As doações podem ser feitas por meio de cartão de crédito, paypal, boleto bancário ou depósito para o Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Manaus, no Banco do Brasil 001, agência 3286-7, conta corrente n˚ 73.768-2.

O presidente do Comitê Cidadão, Stanley Braga, agradeceu o apoio da construtora e a nobreza dos inúmeros voluntários, entre empresas e pessoas físicas anônimas, que estão auxiliando os empreendedores durante a pandemia. “Estas cestas estão chegando, prioritariamente, para aquelas famílias de empreendedores informais: vendedor de churrasco na rua, a tia do tacacá, a diarista, o taxista, o motorista de aplicativo, aquele empreendedor que vivia do fluxo da cidade e com a quarentena não tem mais de onde tirar o seu sustento. Essa não é uma ação assistencialista, mas de sobrevivência do empreendedorismo”, enfatizou Stanley Braga.

Compradora
A compradora do Distrito Industrial, Natacha Secati Cacheado, há muitos anos procurava um imóvel. Depois de inúmeras visitas, encantou-se com um apartamento de dois quartos e um gabinete próximo ao bairro onde nasceu e cresceu. Somente após fechar o negócio, descobriu que o valor pago a vista pelo imóvel seria aplicado na compra de cestas básicas para pessoas necessitadas. Ela, que já teve Covid19 e conseguiu se recuperar com o apoio da família e da empresa onde trabalha, celebrou a iniciativa. “Eu me senti muito grata a Deus por poder comprar o meu empreendimento, que vai ser o meu lar e, ao mesmo tempo, ajudar tantas pessoas que precisam estar bem para não contrair o vírus ou se recuperar da doença”, disse a compradora.

O gerente comercial da RD Engenharia explicou que a venda foi o resultado de um esforço coletivo. “Nós do comercial recebemos a missão de vender este imóvel o mais rápido possível para mostrar nossa gratidão com a cidade de Manaus. Neste ano em que a empresa completou 25 anos de atuação, foi muito prazeroso saber que o esforço de todo o setor comercial trouxe retorno para campanha e para a população. Esta venda à vista foi abençoada”, destacou Elias Ayres.
Mesmo num período de incertezas, em que muitos estão evitando compras vultosas, o imóvel foi vendido em menos de duas semanas, um recorde para o mercado imobiliário. “Eu fiquei muito orgulhoso de saber que o meu trabalho, desempenhado com o apoio do Creci (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado do Amazonas e Roraima), vai fazer a diferença na vida de todo esse pessoal que tá precisando aí”, declarou emocionado o corretor Joaquim Omena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *